VIROSE DA MOSCA VIRA SURTO NO CEARÁ

O Ceará já registrou 20.845 casos de no Ceará, de acordo com nova planilha de doenças de notificação compulsória da Secretaria de Saúde do Estado do Ceará (Sesa) referente a semana entre 20 e 26 de janeiro de 2018. 

Em Fortaleza, foram 1.866 casos registrados no período. Em Caucaia, 2.025 deles. Maracanaú fechou a semana com 1.805 casos. 

O contágio da virose é através do contato interpessoal, seja ele direto ou indireto. A principal forma de evitar a doença é reforçar a atenção aos hábitos saudáveis de higiene (lavar as mãos, os alimentos, utilizar álcool em gel etc.).


Os sintomas incluem febre, dor no corpo, desconforto abdominal e vômito, além de diarreia, moleza e ardência nos olhos. Uma boa alimentação pode ser aliada no combate aos sintomas.

DN

Nenhum comentário

SEU COMENTÁRIO É DE SUA TOTAL RESPONSABILIDADE, FICANDO SEU IP. DE REDE SALVO PARA RESGUARDO DE AÇÕES JUDICIAIS.

Tecnologia do Blogger.