PARA NÃO PAGAR A CONTA, MULHER SE PASSOU POR POLICIAL E FOI PRESA EM SOBRAL

Uma mulher foi presa se passando por policial para não pagar a conta de um restaurante na noite de sábado (24), em Sobral. Conforme a Secretaria da Segurança Pública do Estado (SSPDS), a mulher se identificou como agente, apresentando uma carteira com o símbolo da Polícia Civil, mas não mostrou a identidade funcional, motivo pelo qual o proprietário do estabelecimento acionou a Polícia.

Os PMs encontram a mulher no restaurante e constataram que ela usava a carteira indevidamente para obter vantagem. 

De acordo com os policiais, a suspeita estava sozinha no estabelecimento e consumiu bebida alcoólica. A mulher recebeu voz de prisão e foi conduzida para a Delegacia Regional de Sobral.


Na unidade policial, após prestar depoimento, Maria Madalena Fernandes Rodrigues, 36 anos, sem antecedentes criminais, foi autuada em flagrante pelos crimes de falsificação do selo ou sinal público por fazer uso indevido em proveito próprio e por tomar refeição em restaurante sem dispor de recursos para efetuar o pagamento.

A carteira ficou apreendida. Já a mulher foi levada para a Cadeia Pública e está à disposição da Justiça.

DN

Nenhum comentário

SEU COMENTÁRIO É DE SUA TOTAL RESPONSABILIDADE, FICANDO SEU IP. DE REDE SALVO PARA RESGUARDO DE AÇÕES JUDICIAIS.

Tecnologia do Blogger.