DEPOIS DE GRAVAR FILME PEDÓFILO, XUXA AGORA DIZ "DEUS NOS LIVRE" SOBRE VOLTA DO PT

Amor Estranho Amor (1982) se tornou uma produção marcante na filmografia nacional, mas talvez pelas razões erradas. O drama erótico dirigido por Walter Hugo Khouri (Noite Vazia) teve sua projeção impedida por uma ação judicial movida por Xuxa Meneghell, que interpreta uma jovem prostituta no filme. Pelo fato de ter trabalhado em programas infantis, Xuxa se incomodou com as cenas em que recebe como cliente um garoto menor de idade (Marcelo Ribeiro). Hoje a apresentadora paga de moralista e critica uma possível volta do PT ao poder.


Xuxa comentou em uma publicação feita por Léo Dias, no Instagram, sobre a declaração de Titi ao vivo, no final de semana, de que a música “Vai dar PT”, de Léo Santana, era uma profecia para 2022, ano em que o Partido dos Trabalhadores voltaria ao poder. “Deus nos livre e guarde”, escreveu a apresentadora Xuxa no comentário.

Sobre a conduta da repórter, em nota, o Multishow afirmou:

“O Multishow esclarece que seus apresentadores têm liberdade de expressão, mas temas como política e religião devem ser evitados quando estão no ar. O Multishow é um veículo de entretenimento e não há viés político em sua programação, portanto o comentário não reflete o posicionamento do canal.”


REPUBLICA DE CURITIBA

Nenhum comentário

SEU COMENTÁRIO É DE SUA TOTAL RESPONSABILIDADE, FICANDO SEU IP. DE REDE SALVO PARA RESGUARDO DE AÇÕES JUDICIAIS.

Tecnologia do Blogger.