MORDOMIAS DE EX-PRESIDENTES CUSTAM CARO AO CONTRIBUINTE BRASILEIRO

Em 2018, o Estado Brasileiro gastou R$ 4,6 milhões com cinco ex-presidentes


No Brasil, os ex-presidentes da República têm direito a uma série de mordomias que são garantidos por Lei. Muita gente não sabe, mas tais privilégios incluem até oito funcionários, sendo dois motoristas, dois assessores e seguranças, além de dois veículos oficiais. Fora isto, todos os ex-chefes de Estado brasileiros ainda contam com auxílios para o combustível e passagens e diárias dos assessores, além de um cartão corporativo. 

A ex-presidente Dilma Rousseff, apresentou uma fatura de mais de meio milhão de reais em 2018 ao Palácio do Planalto. O dinheiro pagou viagens de assessores mantidos à sua disposição pelo governo. Ela gastou mais do que a soma de despesas dos ex-presidentes José Sarney, Fernando Collor, Fernando Henrique Cardoso e Luiz Inácio Lula da Silva - que também têm direito ao benefício.

IBIAPABA 24 HORAS

Nenhum comentário

SEU COMENTÁRIO É DE SUA TOTAL RESPONSABILIDADE, FICANDO SEU IP. DE REDE SALVO PARA RESGUARDO DE AÇÕES JUDICIAIS.

Tecnologia do Blogger.